sexta-feira, 20 de julho de 2012


VOU FALAR-TE, AMOR...


Vou falar-te, amor…
Das nossas aventuras
Dos caminhos que percorremos
Dos mares que navegamos
Dos desertos que atravessamos
E tudo quanto sonhamos 
Em busca da felicidade.

Vou falar-te, amor…
Das noites escuras
Em que foste o luar
Na minha escuridão.

Vou falar-te, amor…
Dos dias tristes
Em que foste o meu sorriso
O meu doce paraíso
O ombro para eu chorar.

E quando perdido
Pensando que mais nada me restava
Foste o meu chão
A minha estrada
Onde pude caminhar.

Vou falar-te, amor…
Dos teus olhos
Que são a luz minha vida
De quanto te amo, minha querida
E que sempre te amarei…

Mário Margaride 

9 comentários:

  1. Olá Mário, maravilhoso poema de amor que adorei. Os olhos são o espelho da alma. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  2. belíssima declaração de amor...
    simples e objetiva

    bjs. Sol

    um excelente final de semana pra ti também.

    ResponderEliminar
  3. Simplesmente belo....

    Como sempre poemando a esse grande amor que vive em ti e não esmorece.

    Uma delicia Mário. Que bem versejas.

    Um feliz domingo

    Bjgrande do Lago com amizade

    ResponderEliminar
  4. Meu querido amigo

    Um poema de amor maravilhoso...uma paixão doce.


    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  5. Querido amigo Mário,
    Tenha um lindo e abençoado final de semana.
    Beijocas

    ResponderEliminar
  6. Segredando Amor e Amores. Uma delícia para os apaixonados.
    Belo, Amigo.

    Abraços


    SOL

    ResponderEliminar
  7. Olá Mário, passei para saber como tens passado e se está tudo bem contigo. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  8. Reli e novamente gostei...

    Bom resto de semana

    bjgrande do Lago

    ResponderEliminar
  9. Vi este link na sua página de WAF e tive a curiosidade de vir até aqui.Este é um tipo de poema acessível a todos, falando de Amor duma forma linda, muito linda, Mário. Parabéns!
    Maria Letra

    ResponderEliminar