quarta-feira, 16 de novembro de 2011

QUERO DIZER-TE, AMOR



Deixa cantar-te assim, versos de amor…
Que o meu coração te quer dizer!
Esculpidos com carinho e com fervor

Que nesta tela pintei, para te oferecer.


Têm sonhos, utopias e quimeras

Como nunca em algum dia, imaginei…
Tem flores, prados verdes, primaveras
Que na minha alma de poeta, eu sonhei…


Quero dizer-te, Amor, mas não ainda…

Que a tua boca, sedenta, é sempre linda

E dentro dela guarda, os beijos meus…


A cada toque teu, em cada beijo…

Há uma emoção intensa, há o desejo

De ficar, eternamente…nos braços teus!...


Mário Margaride

8 comentários:

  1. Um soneto que está repleto de beleza e sedento de amor...De um amor belo que pede a união dos corpos, que pede a junção das almas e o toque dos lábios.

    Lindissimo querido amigo

    Adorei

    Com imensa amizade

    Bjgrande do Lago

    ResponderEliminar
  2. Mario,... que lindo!
    Sei que escreves com o coração mas, estes versos, ecoaram cá dentro.
    Fico a imaginar estes versos declamados, quase sussurrados!! Lindo de encher a alma!

    Beijos no coração, meu amigo!

    ResponderEliminar
  3. Olá Mário, estas palavras de amor nunca ficarão ao vento. Elas vão direito ao coração da musa. Adorei. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  4. Maravilhoso!
    Eu adoro sonetos, acho a forma mais linda de escrever poemas de amor.
    Grande abraço

    ResponderEliminar
  5. Mário

    Pintar, contar e cantar assim o Amor, dá-nos asas para para atingir o Céu.
    Belíssimo.

    Encontrei-te através de "A Viagem".
    Abraços


    SOL
    http://sopalavraspoeticas.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. Meu querido Mário

    Um hino de amor e ao amor, neste belo poema.

    Deixo um beijinho com carinho e desejo um bom fim de semana.

    Sonhadora

    ResponderEliminar
  7. Que sempre se cantem versos de amor em beijos.

    Boa semana, amigo.

    Bjs

    ResponderEliminar
  8. A beleza e o encanto das palavras contidas neste maravilhoso soneto fizeram com que ficasse por aqui...

    ResponderEliminar